Lunaticismo

Origem: Malucopédia, a enciclopédia insana
Ir para: navegação, pesquisa

Nota: Esta página encontra-se em edição por nem mais nem menos do que MIM (e sim "MIM" não tem nenhum link (eu tenho demasiada classe para andar para aí a pregar partidas)) e foi pensáda por MIM durante penosos meses, por isso nem pense em mexer neste artigo em qualquer fase da edição ou quando estiver terminádo sob pena de estragar a piada toda a isto (e a sua cara misteriosamente contra uma parede) e deixe esta futura relíquia da comédia em paz! Ouviu?!

O Lunaticismo é uma religião que como todas as outras merece ser desrespeitada. Esta religião divide-se em várias seitas: Lunaticistas "puros", Barbaristas, Homerianos, Holeristas e Dasahhgbhbhdsvgvhdjnjneuhbheistas. A única coisa que estas seitas têm em comum é o facto de todas acreditarem num Deus romancista, na mesma teoria de criação mundial, na mesma mitologia e num místico caminho que todas as seitas acreditam ter encontrado pelas suas próprias vias. Como o Lunaticismo não tem nenhum símbolo próprio e como eu não me entendo com o sistema de arquivos embutidos nesta porcaria não haverá nenhuma imagem no artigo todo.

(Espera lá... Ah! Então é assim...)

Afinal de contas sempre há imagens...

Mitologia

Aqui temos os símbolos de 16 diferentes religiões: (da esquerda para a direita, de cima para baixo) Adicionismo, Estrelismo, Qualquer-coisa-em-sanscritismo, Bigbangismo, Astronautismo,Adicionismo Circular, Jackiechangismo, Portanismo, Navegacionismo, Cimitarismo, Hitlerismo com Bolinhas, Palmismo, Lotismo, Tripiquismo, Tetratrombonismo e Tetravassourismo. O Lunaticismo não consta porque não tem símbolo.

Era Primordial

Segundo o Gjgduyfdytdudteugutda, o livro sagrado dos lunaticistas, no início havia tudo. Infelizmente isso era economicamente insustentável, pelo que tiveram que acabar com tudo. A única coisa que sobreviveu foi Deus, que acabou por fugir para a 14ª Dimensão que estava povoada por coelhinhos da Páscoa e por sósias exatamente iguais de Kevin Bacon. No entanto, acabou por se fartar de receber ovos da Páscoa e de ver filmes do Kevin Bacon pelo que voltou á 4ª Dimensão (o tempo também é uma dimensão, idiotas!).

Era das Criações

Depois de Deus voltou, ele pôs mãos à obra:

  • Primeira Criação: Deus começou por criar o ar, mas sem gravidade, o ar dissipou-se. Então, Deus criou este monte de entulho que chamou se de terra e esse reservatório de restos de sopa que chamou de mar. Aí sim criou o ar. No entanto, a Terra continuava vazia, por isso Deus criou um leão, um arbusto, um anão maneta e a TV a Cabo. A partir daí, as coisas ocorreram assim:
    • 2min: O anão precebe como o cabo funciona.
    • 5min: O leão mija no arbusto.
    • 2h 15min: O cabo pifa. O anão fica irritado.
    • 2h 27min: Furioso, o anão destrói o cabo e o leão fica com larica.
    • 2h 30min: O leão come o anão.
    • 3h 13min: O arbusto morre.
    • 4h 30min: O leão morre de fome.
Deus ficou tão irritado com este resultado que decidiu reciclar a Terra e começar de novo.
  • Segunda Criação: Desta vez, Deus começou por criar uma foca, uma árvore, uma gorda estúpida e as televendas. A partir daqui as coisas correram assim:
    • 3min: A gorda descobre as televendas.
    • 15min: A foca suicída-se ao perceber que ainda não existiam peixes.
    • 45min: A árvore atinge uma bolsa de água contaminada com mijo de leão.
    • 3h 30min: A árvore morre.
    • 4h 50min: A gorda precebe como as televendas funcionam.
    • 4h 51min: A gorda gasta todo o dinheiro nas televendas.
    • 5h 10min: A gorda senta-se em cima das televendas, destruíndo-as.
    • 6h: A gorda morre de fome.

Era Negra

Depois dos seus sucessivos falhanços, Deus entra em depressão e vicia-se em cocaína, heroína, metanfetaminas, LSD, alcóol e, depois de ver um episódio de Dr. House, em Vicodin. Durante este período, Deus decide passar a vida num beco a drogar-se. É aqui que ele perde a Terra primordial, o que piora a sua depressão.

A mesa de Deus durante a sua Era Negra.

3ª Criação

A 3ª Criação decorreu por acidente quando Deus estáva pedrado, tendo ocorrido assim:

  • Deus vomita o oceano. (É por isso que certas partes do mar são verdes)
  • Deus caga os continentes. (É por isso que a terra é castanha)
  • Deus aprecebe-se que o oceano é demasiado grande e volta a engolir metade dele.
  • Deus peida, formando a atmosfera.
  • Deus começa a tirar cera dos ouvidos e a esculpir coisas com ela.
  • Deus dá vida a estas esculturas e elas formam tudo o que existe neste mundo.
  • Deus entra em coma alcólico antes de poder esculpir a mentalidade dos humanos, pelo que ela não difere da dos outros animais. (é por isso que o mundo tem os problemas que tem)

Deus gostou tanto desta história e precisava de tanto dinheiro para as drogas que decidiu escrever um livro, o Gjgduyfdytdudteugutda, contando a história da criação. O livro foi um best-seller (especialmente graças ao portefólio de imagens da Jennifer Lopes em topless no final do livro), Deus ficou milionário e o livro tornou-se o livro sagrado dos lunaticistas e dos tarados.

Ver também