Liberdade de expressão

Origem: Malucopédia, a enciclopédia insana
Ir para: navegação, pesquisa

Liberdade de expressão é você poder falar a merda que quiser e não acontecer nada com você.

Obviamente, qualquer um que tenha dito para um valentão que a irmã dele é gostosa já aprendeu, liberdade de expressão não existe. Na melhor das hipóteses, você vai tomar porrada. Nem queria imaginar o que pode acontecer na pior das hipóteses, mas gente já foi cruficicada e empalada por acreditar que existe isso.

Os lugares onde menos existe liberdade de expressão são, paradoxalmente, aqueles que mais dizem que ela existe. Experimente dizer, em alguma wiki, que algum editor prestigiado fez alguma merda - é ban infinito na hora, sem direito a mimimi.

Aqui na Malucopédia nós respeitamos a liberdade de expressão. Sinta-se à vontade para falar o que quiser, que esse direito será respeitado religiosamente.

RESPEITAM MESMO? E SE EU DISSER QUE A MALUCOPÉDIA É UMA MERDA, E MUITO PIOR QUE A METAPEDIA? Assinado: Boris Yeltsin. Cai fora, CT! Ban infinito pra você!!!

Pornografia não é liberdade de expressão[editar]

Nota: Esse texto não é insano, é verídico, mas que se foda


Ao contrário do que os nerds virgens que só vivem no RedTube pensam, á pornografia não tem absolutamente nada a ver com a liberdade de expressão, expressão se refere á poder das suas opniões sem nenhuma opressão, uma das poucas coisas boas que ainda existem no Brasil desde á ditadura militar.

O palavrão também não significa liberdade de expressão, porque (assim como a pornografia) ele não é nescessário, e você pode muito bem dar suas opniões sem falar palavrões.

Guarde isso: a censura que proibe o nip slip na TV não é a mesma que te proibe de gravar a sua musica, a primeira é fundamental e a segunda é um grande absurdo.

Um filme que ilustra bem este conceito é O Povo Contra Larry Flynt (1996).